VAI CAIR POR ONDE HOJE?

Todas as mensagens
Críticas
Notícias
Cotidiano
Divertidas!


INICIANDO A QUEDA!


Pesquisa PARA AS QUEDAS!





Caiu? Então deixa seu "AI"! Sugestões? Críticas? Mensagens? Desça a barrinha e clique em "ESCREVER"!



E aew, curtindo? Dê sua nota para o blog, de 0 a 10!

Indica aew pros amigos! =D

SITES RECOMENDADOS!!!










RADIO CRI-ATIVA!


QUEM TE DERRUBA!

Meliante: Victor Gadder
Idade: 25 anos
Signo: Escorpião
Cidade: Goiânia
Estado: Goiás
Atividades: Técnico em Informática, Músico (baixista), Escritor, Webdesigner, Piloto.
Gosto de: Leitura, Música, fazer amizades, Tecnologia.
Não gosto de: Falsidade, mentiras, injustiça.


Pensamentos PARA te LEVANTAR (by Victor Gadder)!



Siga-me no Twitter!!!

->> Meu ORKUT <<-

CURTIU? ENTÃO LINKA AEW!




POSTAGENS POR DATA


+ veja mais

DERRUBADOS E CAINDO AGORA

caindo agora!

APOIO E PATROCINIO!




CRÉDITOS






APROVADO POR...


E o q é esse tal RSS?

Dá uma caidinha tbm pelo celular!




 

 
 

Ganhando um dinheiro fácil!

Genial!

Categoria: Divertidas!

Escrito por Victor Gadder às 19h35
[ ] [ envie esta mensagem ] [ link ]


 
 

Atividade Paranormal flagrada (cena real)

Eu realmente não gosto de mostrar esse tipo de cena aqui no PARA AS QUEDAS, mas essa imagem realmente me arrepiou e me assustou. Real? Fake? Confiram a história desse menino e tirem suas próprias conclusões:

Macabro...

Categoria: Notícias

Escrito por Victor Gadder às 19h31
[ ] [ envie esta mensagem ] [ link ]


 
 

Enquanto isso no Twitter...

Categoria: Divertidas!

Escrito por Victor Gadder às 19h28
[ ] [ envie esta mensagem ] [ link ]


 
 

Publicação de palmeirense com dor de cotovelo

Ontem, o Goiás Esporte Clube conquistou uma vitória histórica em cima do Palmeiras de Felipão e Valdívia, de virada, por 2x1 e garantiu a vaga à final da Copa Sul-Americana, depois de ser desacreditado de todas as formas por toda a imprensa paulista, que já contava com a final sendo disputada pelo Palmeiras. Hoje, encontrei uma publicação em um site que achei cômica de tão ridícula, e resolvi trazer para vocês. Olha que viagem!



Dezembro de 2010 – Goiás vence a Copa Sul-Americana goleando a LDU no Serra Dourada. Dias antes, perde para o Corinthians e cai para a Série B do Brasileirão melancolicamente.

Maio de 2011 – É rebaixado no Campeonato Goiano, pois concentrou todas as suas forças na Libertadores, onde faz boa campanha, já tendo eliminando o Colo-Colo, o Corinthians, o Santos e o River Plate.

Junho de 2011 – Vence o Inter em pleno Beira-Rio e se classifica para a final da Libertadores. Faz campanha pífia no começo do Brasileirão Série B, perdendo para Bragantino, Guaratinguetá e Icasa. Imprensa começa a se desesperar por não conseguir explicar o paradoxo goiano, o fenômeno do pequi.

Julho de 2011 – Rafael “He-Man” Moura faz três e o Esmeraldino levanta a Copa Libertadores contra o Boca em plena La Bombonera, para desespero de Maradona, que do alto de seu camarote gritou: “¡pero quién carajo es Goiás, por diós!”. Enquanto isso, na Série B, time briga para sair do Z-4.

Agosto de 2011 – A janela de transferências não perdoa e provoca um desmanche no histórico time goiano: Rafael Moura vai para o Manchester City, Tolói é vendido ao Milan, Marcão vestirá a camisa do Inter de Milão e Harlei substitui Peter Cech no Chelsea.

Setembro de 2011 – Brigando para não cair na Série B, o Campeão da América está na merda. A imprensa abutre diz “era previsível” e profetiza um fracasso retumbante do Goiás no iminente Mundial Interclubes. A diretoria do clube se irrita e resolve agir: fecha uma parceria milionária com pecuaristas goianos. Acredite, essa gente tem MUITO dinheiro.

Outubro de 2011 – Goiás fecha com Fernandão (de novo!), Fred, Bruno César, Miranda, Alex Silva, Jucilei, Victor, Rafael Sóbis e Tinga. E anuncia a maior contratação: Adriano, que em 2011 não deu certo no futebol do Uzbequistão e quer voltar para o Brasil para recuperar a “alegria de jogar”. As contratações são exclusivas para o Mundial, pois já passou a data de inscrições na Série B. Na segundona, perde para o Ituiutaba e tem apenas 8% de chances de não cair.

Novembro de 2011 – O time entrega as pontas na Série B e se conforma com a lanterna e o rebaixamento para a Série C. O foco é todo no treinamento para o Mundial. Enquanto isso, as mesas redondas racham e perdem patrocinadores por não ter uma explicação decente para o que acontece.

Dezembro de 2011 – Goiás cai para a Série C e é Campeão Mundial Interclubes FIFA, ao vencer a final contra o Real Madrid de Cristiano Ronaldo. Na coletiva ao fim do jogo, José Mourinho lamenta: “perdemos para um time de segunda divisão”. Ainda bem que ele não lê as notícias do futebol brasileiro. Terceira divisão, Mourinho, terceira.

Fevereiro de 2012 – O fenômeno do pequi fica mundialmente famoso. Time mantém a base campeã do mundo, pois os times europeus estão em crise e já não importam pé-de-obra. Diretoria abre mão de disputar a segundona do goiano e a Copa do Brasil, alegando falta de rentabilidade, e leva o time para uma excursão na Europa, onde enfrenta Manchester United, Juventus e Paris St-Germain. A CBF enlouquece com o desmando e estuda uma punição, como um rebaixamento. Mas desiste quando lembra que o time já está na terceirona, e feliz. Ricardo Teixeira então envia um ofício à FIFA e se reúne secretamente com a Conmebol.

Julho de 2012 – Goiás perde a final da Libertadores para o Chivas Guadalajara em um jogo com cinco pênaltis mal marcados (!!!)  a favor do time mexicano. Mesmo assim, está classificado para o Mundial Interclubes.

Agosto de 2012 – Esmeraldino coloca time fraldinha para disputar Série C e consegue boa campanha, se mantendo entre os 10 primeiros. Time principal tem a maior “pré-temporada” da história, apenas treinando e fazendo amistosos durante 6 meses, pensando no Bi-Mundial.

Setembro de 2012 – Goiás Esporte Clube ganha causa na Justiça Comum e desmoraliza CBF.

Outubro de 2012 – Time fraldinha da Série C cai de rendimento, pois sofre com estranha debandada de seus jovens atletas, que abandonam o time alegando ter propostas do exterior. Kia Joorabchian vê seu nome envolvido no caso.

Novembro de 2012 – FIFA se reúne para discutir a eliminação do Goiás do Futebol.

Dezembro de 2012 – Goiás perde para o Goytacaz e cai para Série D do Brasileirão. No dia seguinte, time principal embarca para Abu Dhabi. Dias depois, é Bi-Campeão do Mundo ao vencer o Barcelona de Messi, Ganso e Neymar.

Final de Dezembro de 2012 – Fim do Mundo.

Categoria: Críticas

Escrito por Victor Gadder às 16h55
[ ] [ envie esta mensagem ] [ link ]


 
 

Enquanto isso, no MSN... [2]

É cada uma viu... Saka só:

 

Olha o que o indivíduo espera de um namoro...

Porque só os contos de fadas terminam com felizes para sempre!

***

Formas inovadoras de se pedir um aumento...

Se isso não der certo, eu recomendo o vídeo: A arte de pedir aumento.

***

Você pode até ser criativo na cantada:

Mas nunca subestime a sagacidade feminina.

***

A verdadeira história da raça humana.

Darwin estava errado, o homem não evoluiu. (tenso...)

***

Colégio Salvação - Descobrindo a índole da sua filha do pré ao ensino-médio

Difícil é o teste de esposa, onde você tem que cuidar para que o pinto não cisque fora da caixa.

***

Tem amiga que é cega!

Não, ela não quis dizer funk. Se bem que uma coisa tem relação com a outra né... E agora?

***

O viado veste pra dar...

Nunca me enganou!

***

A mulher perfeita existe. Contudo...

É o detalhe que faz a diferença.

***

Conselho de amigo para amigo

Na boca das mulheres isso não é conselho, é dica!

***

Algumas cantadas são mesmo surpreendentes.

Putz... Ele tem um relógio do Ben 10!!!

***

Em momentos de desespero, só ele vem do céu para nos ajudar...

E assim surgiu mais uma religião. A Clark Kentiana!

Categoria: Divertidas!

Escrito por Victor Gadder às 20h46
[ ] [ envie esta mensagem ] [ link ]


 
 

Se livrando da mulher de forma errada!

Um cara não muito sabido está tentando se livrar da sua mulher da forma errada. Não acredita? Clique e veja!

 

Primeiramente a supervalorização no preço é totalmente equivocada, nenhuma mulher vale tudo isso e jamais valerá (só a minha!). Uns R$ 500,00 reais até que seria plausível, mas ai o rapaz deveria ter feito a descrição completa do currículo da mulher.

Ela sabe limpar uma casa, lavar, passar e cozinhar a contento?

Ela é uma máquina sexual Insaciável?

Ela fica calada na hora do futebol ?

Quando ele esclarecer todos esses pontos ele tem mais chances de obter um resultado satisfatório. E não nunca esqueçam de uma coisa: Passar mulher pra trás é fácil. Difícil é passar pra frente! HeHheheHeHEEHe

PS: tudo brincadeira viu galera? Só a "tentativa de venda" que é real! =D

Categoria: Notícias

Escrito por Victor Gadder às 18h16
[ ] [ envie esta mensagem ] [ link ]


 
 

Tiro de meta boomerang! Muito louco!

O jogo entre Comodoro Rivadavia e Instituto de Córdoba, pela 15ª rodada da segunda divisão da Argentina, foi disputado com ventos de até 100km/h. Resultado: os goleiros não conseguiam nem bater o tiro de meta, como pode ser visto no vídeo abaixo. Depois do chute, a bola subia e voltava. Bizarro.

Categoria: Notícias

Escrito por Victor Gadder às 20h16
[ ] [ envie esta mensagem ] [ link ]


 
 

Crítica sobre o filme Harry Potter e as Relíquias da Morte - Parte 1

Saindo da sala de cinema pouco depois da meia-noite de ontem, eu ouvi três pessoas reclamarem do filme que havíamos assistido em questão. A primeira, uma criança de aproximadamente dez anos, dizia que o filme era chato e feio; a segunda, um homem aparentando uns vinte e sete, brandava que o filme era chato também, mas provavelmente no sentindo "falta de ação"; a terceira pessoa, que me acompanhou na sessão, reclamava das alterações feitas pelo diretor do filme com relação à obra na qual o longa é baseado. O filme em questão que todos nós assistimos foi Harry Potter e as Relíquias da Morte, Parte 1 (ao qual tratarei agora como Harry Potter 7-1).

No início da saga do bruxo com a cicatriz em forma de raio, os filmes e também os livros abrangiam um público-alvo que poderia variar entre uma criança pré-escolar e um idoso. Em um tom de fantasia e inocência, víamos garotinhos explodindo com feitiços divertidos de se fazer, e planos mirabolantes de um vilão que voltava à sua ascensão. A medida que acompanhavamos o crescimento daqueles jovens, tanto os livros quanto os filmes amadureciam em conjunto. A partir do terceiro livro / filme, a narrativa começa a focar um público mais sério, com tons mais sombrios e tramas mais complexas.

E depois de seis histórias, chegamos ao clímax. E não é a toa que a criança reclamava do filme. Harry Potter 7-1 é o tipo de filme que pode causar um trauma na criança que entra na sala de cinema esperando ver bruxinhos balançando suas varinhas inconsequentemente. Desde a primeira cena, com ilustrações de jornais com notícias de mortes, seguida por outra onde ilustra uma pessoa sendo brutalmente assassinada e entregue como jantar à uma cobra, Harry Potter 7-1 apresenta um peso e um tom de ameaça e quase pânico que faz com que os personagens se tornem sufocados e paranóicos. A trama se passa em um mundo em guerra: cruzando a fronteira entre o mundo mágico e aquele habitado pelos trouxas, as maquinações de Voldemort já atingem os humanos, obrigando a jovem Hermione, por exemplo, a apagar a memória dos pais e qualquer traço de sua própria existência a fim de protegê-los, ao passo que os cruéis tios de Potter finalmente têm seus piores temores sobre os bruxos confirmados ao serem obrigados a fugir rapidamente da casa na qual viveram por décadas. Assumindo o controle do Ministério da Magia, os Comensais da Morte agem como todos os ditadores que assumem através de um golpe de Estado, insistindo em assegurar a população de que tudo continuará a funcionar normalmente enquanto usam a força para suprimir qualquer oposição, empregando ainda a mídia como forma de repugnante propaganda. Perseguidos e amedrontados, Harry, Hermione e Rony decidem então que a única chance que possuem reside na destruição das horcruxes que contêm pedaços da alma de seu inimigo e, assim, partem em busca dos objetos numa missão arriscada e exaustiva.



Recomendação: não vá para o cinema assistir Harry Potter 7-1 caso sua intensão seja ver uma batalha entre o bem e o mal, com feitiços voando para todos os lados e combates sucessivos. Sim, a ação presente no filme é intensa em seus momentos e a direção de David Yates se mostra correta ao empregar uma câmera inquieta e trêmula, enfocando o caos e o pânico das situações além de evidenciar o sentimento de desespero de pessoas que não estão apenas lutando, mas sim FUGINDO de uma ou mais ameaças. 



Mas o foco do projeto fica claro desde o primeiro momento em que vemos os três personagens principais se preparando para uma missão de deslocamento. O filme retrata não uma batalha física, mas psicológica, e enfoca o desgaste gigantesco que isso causa em seus envolvidos. O sofrimento psicológico é retratado de maneira brilhante não só pelo diretor como pelos três atores principais. Correção: pelos quatro! Daniel Radcliffe consegue mais uma vez transpassar o peso da responsabilidade de um jovem que carrega nas costas a esperança de todo um povo, enquanto Rupert Grint prova novamente que é um ator fenomenal ao retratar o endurecimento crônico sofrido pelo antes divertido e brincalhão Rony, que agora não se intimida ao pensar em assassinar um indivíduo por este ter causado ferimentos em um familiar. Porém quem se sobressai no trio, para minha surpresa admito, é Emma Watson, que consegue carregar toda a dificuldade e peso dramático da narrativa com segurança, provando que com a experiência adquirida durante todos esses anos "hermionescos", a mesma fortaleceu sua interpretação e fugiu das caras e bocas que fazia anteriormente. E Ralph Fiennes continua ameaçador como Voldemort, e também reflete a frustração de um homem que não consegue atingir seus objetivos exclusivamente por conta de um garoto que seja por sorte ou por destino sempre supera suas expectativas, e sua busca frenética por algo ilustra seu desespero.

Esse estado de total desesperança por parte dos personagens é também refletido na paleta de cores acinzentadas que o diretor de fotografia pinta. Oscilando entre o preto e branco acinzentado e o preto total, o design de produção também brilha em apresentar ambientes gigantescos que ilustram o universo bruxo não de forma gratuita, mas com a intensão de ilustrar o quão sombrio ele pode ser. Assim, o pânico dos três bruxos ao adentrarem no Ministério da Magia é palpável devido a grandiosidade (e intimidação) que o local passa.

Já se tornou cansativo também ouvir dos fãs mais tradicionalistas reclamações sobre as diferenças entre o filme e o livro. É óbvio que algumas adaptações precisam ser feitas para passar um livro de mais de quinhentas páginas para um filme de quase três horas. Adaptações para agilizar um entretenimento visual que exige mudanças mais constantes que uma longa história lida. Sendo assim, os saudosistas vão torcer o nariz para as alterações feitas pelo diretor, mas já faço a ressalva: foram absolutamente bem vindas e não prejudicam o produto final, apenas engrandecendo o roteiro e o desenvolvimento da trama. E cá entre nós: se a própria autora aprovou e analisou cada alteração, pode-se esperar por algo menos que ótimo?

Contando com os melhores efeitos especiais de toda a série (os elfos nunca foram tão reais), Harry Potter 7-1 trata o espectador com respeito, sem subestimar o conhecimento e a inteligência do mesmo. Assim, termos absolutamente "potterianos" como os feitiços ("Accio!", "Diffindo!", "Obliviate!") e expressões como "aparatar" e "estrunchar" passam batido, sem explicações, pois depois de todos esses anos o espectador já deve ter ouvido (nos filmes anteriores) ou lido, ou tem sempre um amigo que já o fez e que lhe é capaz de explicar.

Assim, envolvido no clima e no universo que a história ilustra, o espectador tem em Harry Potter 7-1 a mais tocante de todas as cenas em seu final, superando até mesmo as mortes de Sirius Black e Alvo Dumbledore. E o que é mais surpreendente: o personagem nem é interpretado por um ator!

Com uma montagem arrojada e evitando o tom episódico e até mesmo passageiro que poderia ter (afinal de contas, lembrem-se que este é apenas parte de um grande filme dividido em dois), Harry Potter 7-1 consegue a proeza de ser o melhor filme até hoje apresentado, superando até mesmo seu antecessor que foi realmente ótimo. Lamento que a criança não tenha gostado do filme e que o homem tenha reclamado da falta de ação - apenas um atestado da mais absoluta incapacidade de compreender as necessidades do projeto -, pois os dois não possuem a maturidade cultural para apreciar uma obra como essa. A criança vai crescer e com sorte irá assistir essa série fantástica como uma obra prima do cinema (e porque não, da literatura); o homem, eu já não sei...

Infelizmente a série está acabando. E presenciar uma cena onde Harry Potter visita pela última vez seu antigo "quarto", embaixo da escadaria da casa dos Dursley, passa o mesmo sentimento que talvez ele sentiu: saudades de um tempo que, por mais difícil que fosse, talvez não fosse tão ruim assim.

Categoria: Críticas

Escrito por Victor Gadder às 19h59
[ ] [ envie esta mensagem ] [ link ]


 
 

Batman, O COMEDIANTE!

********** BÔNUS **********

Boa Batman!

Categoria: Divertidas!

Escrito por Victor Gadder às 18h04
[ ] [ envie esta mensagem ] [ link ]


 
 

Apresentadora se irrita após canal perder implosão de ponte nos EUA

A apresentadora Robin Baumgarten, da TV "WGN", ficou furiosa depois que, durante um programa ao vivo, o canal perdeu na semana passada a implosão de uma ponte em Seneca, no estado do Illinois (EUA). Depois de esperar alguns minutos, a emissora cortou a transmissão para o estúdio. Em seguida, a detonação foi realizada e o canal perdeu a implosão. O vídeo já recebeu mais de 8 milhões de acessos no YouTube.

Ponte foi implodida em Seneca, no estado do Illinois. 

Frustrante hein? XD

Categoria: Notícias

Escrito por Victor Gadder às 15h58
[ ] [ envie esta mensagem ] [ link ]





[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]





Template by Rosângela Coelho - Só Templates